Fecomercio

"Governo Bolsonaro e ministro do Meio Ambiente são responsáveis por uma verdadeira pandemia no desmatamento ambiental", diz Zé Ricardo

Por Assessoria de Comunicação do deputado José Ricardo (PT/AM) em 28/04/2021 às 12:25:19

Em Audi√™ncia P√ļblica Extraordin√°ria da C√Ęmara Federal, na noite da √ļltima segunda-feira (26), com o delegado e ex-superintendente da Pol√≠cia Federal do Amazonas, Alexandre Saraiva, para prestar esclarecimentos acerca da not√≠cia-crime apresentada contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, no Supremo Tribunal Federal (STF), o deputado federal Zé Ricardo (PT/AM) afirmou que o Governo Bolsonaro e o referido ministro em muito contribu√≠ram com o desmatamento das florestas do pa√≠s e da Amazônia.


Para justificar, citou alguns dados alarmantes, do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), entre os anos de 2018 e 2019: 23% das terras p√ļblicas s√£o alvos de grilagens de terras, principalmente, no Amazonas; e o desmatamento em √°reas protegidas chegou a 44% do total. J√° o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), divulgou que o desmatamento na Amazônia cresceu 30% nesse per√≠odo, o terceiro maior crescimento da história. "E o delegado da PF afirmou que, da grande opera√ß√£o que realizaram e que resultou nessa not√≠cia-crime, cerca de 70% da madeira retirada das florestas n√£o foram reclamadas, n√£o apareceram os donos, sendo, possivelmente, destinadas à exporta√ß√£o, e n√£o para a constru√ß√£o de casas ou gera√ß√£o de empregos", frisou.


"O Governo Bolsonaro é prejudicial ao meio ambiente. "É respons√°vel por uma verdadeira pandemia no desmatamento ambiental. Proporcionou o desmonte das institui√ß√Ķes de fiscaliza√ß√£o e de combate aos crimes ambientais, facilitando e incentivando às queimadas e o desmatamento na Amazônia, a explora√ß√£o de minera√ß√£o em terras de prote√ß√£o ambiental e dos ind√≠genas", declarou Zé Ricardo, destacando que, na semana passada, durante a reuni√£o da C√ļpula de L√≠deres sobre o Clima, Bolsonaro tentou enganar a todos, dizendo que quer acabar com o desmatamento e que aumentou os recursos para fiscaliza√ß√£o.


No entanto, ele espera que agora os respons√°veis por crimes ambientais, incluindo a not√≠cia-crime contra o ministro, sejam, realmente, punidos, j√° que alguns parlamentares da base do Governo tentaram, ao longo de toda a Audi√™ncia, defender Ricardo Salles e mudar o foco das den√ļncias.


E concluiu relatando que seu mandato atua em defesa do meio ambiente, propondo desenvolvimento econômico sustent√°vel e acompanhando alguns casos de explora√ß√£o de terras p√ļblicas e ind√≠genas, como no caso das comunidades ribeirinhas e ind√≠genas da regi√£o do rio Urupadi, no Munic√≠pio de Maués. Diante do cont√≠nuo avan√ßo dos madeireiros sobre suas terras e que desde 2018 também amea√ßam suas vidas, o parlamentar j√° ingressou com representa√ß√Ķes, denunciando a situa√ß√£o no Ministério P√ļblico Federal (MPF) e solicitando medidas cab√≠veis de urg√™ncia para impedir essa a√ß√£o ilegal e evitar conflito com os povos tradicionais.

Comunicar erro
Carreira Brilhante

Coment√°rios

UNIODONTO